Resumen Descriptivo: 

Este estudo apresenta um diagnóstico da imigração indígena venezuelana na cidade de Manaus e sua interface com as políticas sociais, avaliando alcances e limites, tendo em vista recomendações de políticas públicas de acolhimento, saúde e educação para os Warao. Essas recomendações poderão orientar, eventualmente, ações voltadas para outros grupos indígenas em contextos urbanos. A pesquisa foi realizada em quatro etapas: (i) mapeamento das formas de acolhimento institucional e entrevista com os responsáveis; (ii) entrevistas com os indígenas Warao (homens, mulheres e lideranças); (iii) oficinas com as lideranças indígenas e com autoridades locais estaduais e municipais, bem como entidades não governamentais;e (iv) elaboração de propostas para a recomendação de políticas. Observa-se, como tendência, o surgimento de um campo de circulação migratória entre Venezuela e Brasil, que chama atenção para dois aspectos principais: as fragilidades de articulação entre os poderes federal, estadual e municipal; e a necessidade de construir uma melhor comunicação intercultural entre os modos de vida Waro e as instituições brasileiras.
 

Índice: 
  • RESUMO
  • 1. Objetivo da pesquisa
  • 2. Metodologia
  • 3. Warao no Amazonas: desafios às políticas públicas
  • 3.1 Warao num contexto de transformações socioculturais
  • 3.2 Deslocamentos Warao no contexto das migrações internacionais
  • 3.3 Warao no Brasil: redes migratórias e rotas de deslocamento
  • 3.3.1 Redes migratórias e familiares
  • 3.3.2 Rotas e características do deslocamento
  • 3.4 Warao no Amazonas: desafios às políticas públicas
  • 3.4.1 Breve histórico do acolhimento em Manaus
  • 3.4.2 O Abrigo do Coroado
  • 3.4.3 As casas
  • 3.5 Outras ações desenvolvidas por agentes governamentais e civis
  • 3.6 Warao em Manaus: “índios na cidade”
  • 3.6.1 Warao: entre a biomedicina e a bruxaria
  • 4. Propostas para a construção de políticas migratórias indigenistas em contextos urbanos
  • 4.1 Documentação
  • 4.2 Geração de renda
  • 4.3 Saúde
  • 4.4 Educação
  • 4.5 Moradia e trânsito
  • 4.6 Cultura
  • 5. Considerações finais
  • REFERÊNCIAS
  • ANEXOS

Disclaimer: This publication has not been formally edited by IOM Publications.

Categoría: 
Tema: